Resenha | A Prisão do Rei – Victoria Aveyard

17:14:00


Título: A Prisão do Rei (King's Cage)
Autor (a): Victoria Aveyard
Páginas: 538
Ano: 2017

SINOPSE: Mare Barrow foi capturada e passa os dias presa no palácio, impotente sem seu poder, atormentada por seus erros. Ela está à mercê do garoto por quem um dia se apaixonou, um jovem dissimulado que a enganou e traiu. Agora rei, Maven continua com os planos de sua mãe, fazendo de tudo para manter o controle de Norta — e de sua prisioneira. Enquanto Mare tenta aguentar o peso sufocante das Pedras Silenciosas, o resto da Guarda Escarlate se organiza, treinando e expandindo. 

Com a rebelião cada vez mais forte, eles param de agir sob as sombras e se preparam para a guerra. Entre eles está Cal, um prateado em meio aos vermelhos. Incapaz de decidir a que lado dedicar sua lealdade, o príncipe exilado só tem uma certeza: ele não vai descansar enquanto não trouxer Mare de volta.

OPINIÃO: Oi, meu amores! Li esse livro faz muito tempo, infelizmente a resenha saiu tarde mas quem quiser conferir a resenha dupla dos dois primeiros livros de A Rainha Vermelha basta clicar aqui!

Vamos começar do começo. Mare Barrow se encontra em uma encruzilhada, uma prisão de Pedra Silenciosa que não pode escapar e ainda tem uma pequena esperança de que a Guarda e tire dali. Mas a protagonista teve que se virar sozinha, tentando encontrar brechas da personalidade do rei prateado. A Guarda escarlate avança cada vez mais, conquistando pessoas e resgatando mais Sanguenovos - motivo para pesadelo dos prateados.



Nenhum deles é certo ou errado, é uma guerra que nunca acaba e o leitor não sabe o rumo que pode tomar. é um livro bem complexo, com uma mistura de politica, traições, romance, ação, terror... tudo o que puder imaginar. A autora escreve de um jeito que qualquer um consegue entender. A leitura vai fluindo, e apesar de terem 500 paginas, eu torci para que não acabassem haha. Eu amo livros grandes!


"Não fomos escolhidos, mas amaldiçoados."

Sobre as batalhas: épicas. Tem narrações incríveis e juro que tive de parar um tempo apenas para absorver as cenas. Pode durar dois capítulos gigantescos, mas eu não ligo. São incríveis! A Victoria descreve de um jeito certo cada cena, o que acontece, os sentimentos e você se sente dentro de um filme, dentro de uma guerra.





Agora, o que eu mais queria falar sobre: Maven Calore. O verdadeiro Maven. Se no livro anterior não tínhamos muitas aparições dele - apesar de seu nome ter sido mencionada umas 700 vezes, isso é verdade - neste livro poderemos descobrir muito mais sobre esse personagem misterioso e complexo Apesar de todas as maldades e de sempre estar um passo a nossa frente, ele tem seus motivos para fazer o que faz e disso destruiu meu coração.


"Agora, estou na prisão do rei. Mas ele também esta. Minhas correntes são as Pedras Silenciosas. As dele são a coroa."

Eu amo o Maven, não sei porque mas sempre tive uma afinidade com vilões, literários ou não, principalmente daqueles que mexem com o psicológico e deixam tudo mais misterioso. Jogos psicológicos entre Mare e Maven acontecem ao decorrer do livro e eu a d o r e i. Vamos admitir, é muito mais cativante ler as suas cenas comparadas as do Cal (vou falar dele já, já).



Fantasmas dos personagens - e não falo apenas de Maven, não, senhoras e senhores - estão presentes neste livro. Todos os medos, ou pessoas que já se foram... Isso é  sempre recordado com precisão. 

Sobre os capítulos narrados pela Cameron, não sei se muita gente falou sobre isso ou notou comigo, mas eles não tiveram muita necessidade As narrações foram importantes para entender o que acontecia em outros cenários longe de Mare e . A personagem não foi tao explorada pois ela só falava de "resgatar o irmão", "não sei o que quero fazer depois disso" e vivia reclamando de tudo, apenas isso.


"Não derrame sangue no seu próprio jardim." 

Algo que eu estava esperando para ler e não tive muitas expectativas ate esse livro: Evangeline. Ela é uma personagem tão incrível. Em certos momentos pode ser má, mas tem um coração cheio de furos e o leitor conhece mais sobre o que ela quer, quem ela quer (isso é bem importante ksks) e percebemos como é a sua família. Alem disso, seus poderes só os meus favoritos e ela  se tornou uma das personagens mais queridas. Evangeline com certeza merece um final feliz e espero que isso aconteça.


  
Tiberias Calore. Cal e suas decisões. Alguém me ajuda, eu não consigo tentar defender ele. Nunca tive muita afinidade com esse personagem e depois do final nossa relação acabou. Na minha humilde opinião ele não consegue ter decisões próprias e seu romance com Mare não é um dos melhores (Migo, assim não tem como te defender!). É bem morno na verdade. Por mim, Mare poderia acabar sozinha no final. Ela é uma garota independente e forte.


"Cal segue ordens, mas não consegue tomar decisões."

O final do livro me deixou satisfeita em alguns sentidos e intrigada com outros. Não tenho a menor ideia do que pode acontecer no próximo volume da série e mal posso esperar. A Editora Seguinte caprichou muito bem no layout das paginas e a fonte agradável. Também podemos ver o mapa dos países e localizar melhor os personagens. os livros tem um estilo próprio que apenas que já vem lendo sabe o quão diferente é.

.
Classificação: ★★★★/5


Então, espero que tenham gostado da resenha! quem  leu me diz o que achou! Recomendo muito todos os livros!


xoxo

You Might Also Like

6 comentários

  1. Não conhecia, mas gostei muito! Ainda tem muitas histórias por aí pra gente acompanhar ;)

    O Planeta Alternativo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Vale muito a pena conhecer essa serie <3
      xoxo

      Excluir
  2. Comprei esse livro mes passado e ainda to com a espada de vidro pra ler kkkk senhor só li a rainha vermelha ate agora e amei, mas disseram que esses dois ultimos nao sao taaaao bons, ai to com receio de começar kkkk
    http://b-uscandosonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses livros estao ficando cada vez melhores haha, vale muito a pena
      xoxo

      Excluir
  3. Sempre babei nos livros dessa série quando passava na livraria, acho que depois dessa resenha vou criar coragem e lê-los!

    Psicose da Nina

    ResponderExcluir
  4. Olá, Liv! Que saudade..
    Já falei que sou louca pra ler essa série? (acho que sim). Só ouço coisas boas e suas ressenhas só me deixam com mais vontade de ler.

    P.S: amei as fotos

    Beijos,

    Preguiça Literária

    ResponderExcluir

wattpad

BLOGS BRASIL

parceiros

instagram | @ldesaturno